Vendo preconceitos

setembro 20, 2010

O desenhista precisa detalhar seus preconceitos.

Desde os setores periféricos de nossos sentidos, nós comparamos os estímulos que nos sensibilizam com conceitos internos estabelecidos previamente. Por exemplo, as células da retina comparam os estímulos de luz que as sensibilizam com pontos de luz rodeados por sombras. Na cóclea, as células comparam o som que chega com diferentes oscilações de curta direção. As camadas posteriores de nossos sistemas sensoriais trabalham com preconceitos sobre o resultado dos preconceitos das camadas periféricas [1].

A importância desta informação para este blog é a seguinte, quando olhamos rapidamente a figura a cima, ligamos atenção apenas para o preconceito mais importante, ou mais óbvio, o que diz que nos deparamos com um rosto. Porém, nosso sistema sensorial representou outros preconceitos que são importante para o momento de desenhar, por exemplo, neste desenho a linha que define a base do nariz e o centro da boca são mais elevados no lado direito, também, a sombra perto dos cabelos são mais intensas que nos centro da testa.

Estas pequenas percepções, geradas por pequenos e esquecidos preconceitos internos são de extrema importância para dar credibilidade a um desenho. Por tanto, a sugestão que damos neste post e que tomamos para nós mesmos, é

Abrir o olhos e ver, de fato.

Ou seja, deixar de super-simplificar e explicar o que vemos  apenas como “um rosto de mulher”, ou dizer que “o céu é azul” e começar observar nuanças e detalhes das percepções. Afinal de contas, as reflexões da luz nos proporcionam um espetáculo infinito de cores para reduzirmos tudo a “azul”. Além disso, as pessoas nos mostram muita personalidade em seus rostos para dizer apenas que nos deparamos com “uma mulher”.

Referencias

[1] Eric Kandel et. al., Principles of Neural Science

Ps: Neste desenho tomamos como referência uma obra de um de nossos artistas vivos favoritos, David Kassan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: